sexta-feira, 26 de março de 2010

VISITA A COIMBRA

Ontem a Universidade Sénior Florbela Espanca fez mais uma das suas visitas de estudo. Desta vez fomos a Coimbra. Tudo nos despertava, mas, sem dúvida, o sítio que mais nos chamava era mesmo o Convento de Santa Clara-a-Velha. Por mim falo. Desde os tempos que ia com os meus pais ao Portugal dos Pequeninos que sentia uma grande curiosidade por aquela construção semi submersa pelas águas e aluviões do Mondego. Finalmente conseguimos vê-la desaterrada e a seco. Toda a visita do conjunto é um espanto. Um polo museológico a pedir que vão lá e vejam que em Portugal se trabalha muito bem. Ele haja dinheiro para isso. Foi um dia espantoso que nem o mau tempo conseguiu estragar. Começámos pela Universidade: Biblioteca Joanina, Capela e Sala dos Capelos. Os Gerais e a Porta Férrea trouxeram-me montanhas de recordações. Seguiu-se uma pérola desconhecida para mim: a Igreja de Santo António dos Olivais. Este é outro conjunto imperdível. Até o cemitério é lindo! Acabámos o dia nas entranhas de Coimbra a conhecer um pouco da velha Aeminium romana. Não deixem de visitar. Eu adorei, se bem que a quantidade de escadas e o piso me tirem a vontade de repetir (por questões meramente pessoais e de saúde). Quando a Sarrabiscos me ceder as fotos dela (muito melhores do que estas) eu prometo um big slide show.
Obrigada, organização. Podem repetir.


Nem o mau tempo iria conseguir estrgar

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial