quinta-feira, 21 de março de 2013

DIA DA POESIA



Escrever?
mas escrever sobre quê?
É desafiante esta opção que fiz
de escrever em cada um dos dias do ano.


Temas não faltam!
É só olhar em redor
misturar as palavras com as ideias
e partir para a aventura.
Sei como começo,
não sei para onde vou
nem onde acabo,
se estou certa
ou se me engano.


É uma forma bem particular
de entender a poesia
no seu estado mais puro
sem esboços no papel,
ideias pré-concebidas
ou até por encomenda.


Viagem diária entre a vida e o sonhar
nunca o fiz como um dever.
Escrever todos os dias,
muito mais do que um prazer
é o sentir-me viver.
 
GM

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial