terça-feira, 29 de maio de 2012

UMA FÉ MEDIEVAL


Hoje decorre o dia mais importante da maior Romaria do Norte de Portugal - O Senhor de Matosinhos.
Não volto a referir aqui a lenda que rodeia o seu aparecimento. Posso acrescentar que o processo que tem decorrido do restauro da Imahem nos demonstrou que terá sido esculpida no séc. XII. Continuamos sem saber quando começou a festa. Mas pelo menos no séc. XVII já era enorme a multidão que ali acorria, havendo um autor, Jorge Cardoso, que referiu que, em 1666, ali haviam acorrido mais de 20.000 almas. Mas como nessa altura já o santo era venerado no Brasil, é natural que a romaria fosse bem mais antiga, talvez contemporânea da igreja que a Universidade ali mandou erigir em meados do séc. XVI.
O tempo não apagou a memória dos seus milagres. De muitas partes do país para aqui se deslocam pessoas para rezar, pagar promessas ou, mais prosaicamente, para admirarem os arranjos florais que ali são postos. Esta tarde havia filas enormes de romeiros para verem o santo. Aqui vos deixo um aspecto dessa verdadeira romaria - os pés dos romeiros na fila.



2 Comentários:

Às 30 de maio de 2012 às 00:49 , Blogger Graça Pimentel disse...

Hoje passei a manhã a trabalhar na THE e a tarde na cozinha. Ferro de passar e tachos foram os meus companheiros de toda a tarde... Nem me lembrei da festa da terra.

beijo

 
Às 30 de maio de 2012 às 09:40 , Blogger Gaivota Maria disse...

Mas houve milhares que se lembraram. Eu fui lá de tarde. As filas para a igreja eram monumentais. Podes ver os pés na foto

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial