sábado, 20 de fevereiro de 2010

ENQUANTO HOUVER...

Enquanto houver uns olhos que reflectem
outros olhos que os fitam,
enquanto a boca responda a suspirar
aos lábios que suspiram,
enquanto sentir-se possam ao beijar-se
duas almas confundidas,
enquanto exista uma mulher formosa,
haverá poesia!

(Gustavo Adolfo Bécquer)

Enviada por J.A

3 Comentários:

Às 20 de fevereiro de 2010 às 20:29 , Anonymous Anónimo disse...

Tenho que deixar uma palavra de apreço ao visitante J.A. pelo seu bom gosto em matéria de poesia. Continue, que nós gostamos.
gaivota do sul

 
Às 20 de fevereiro de 2010 às 21:52 , Blogger Gaivota Maria disse...

Realmente temos sorte com quem nos visita. São de um bom gosto a toda a prova. Um abraço

 
Às 21 de fevereiro de 2010 às 20:50 , Blogger Gaivota Maria disse...

Passei a poesia para post. Adorei. Só te respondo agora porque só agora cheguei a casa. Beijinho

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial